Projeto para disciplina de inglês com habilidades BNCC - 6ºano (1ºbimestre)


Componente curricular: LÍNGUA INGLESA 
6º ano – 1º bimestre 
PROJETO INTEGRADOR
Componentes curriculares participantes: Língua Inglesa, Língua Portuguesa e Arte

Título: Eu e minha turma – Vídeo de apresentação

Justificativa 
No mundo atual, em que as mídias sociais estão tão presentes na vida das pessoas, pré-adolescentes e adolescentes sentem-se atraídos por elas e gostam de deixar seu registro, seja com fotos ou vídeos. É importante que a escola, como espaço facilitador da autonomia do estudante, leve em conta essa relação do estudante com a mídia e colabore com o desenvolvimento de um olhar crítico em relação não só ao tipo de informação que se seleciona, como também ao que e como publicar informações pessoais. A publicação de um projeto em vídeo, desenvolvido pelos próprios estudantes, sob a supervisão do professor, com possibilidade real de ser visto e comentado, seja no blogue ou site da escola, ou numa mídia social aberta, faz deles sujeitos de seu processo de comunicação com o mundo e responsáveis pela informação que veiculam. Além do mais, a possibilidade de conhecer as publicações de estudantes de outros países ajuda a despertar o interesse para o aprendizado e a prática da língua inglesa como uma forma de conexão com o mundo.

Objetivos de aprendizagem
• Explorar e conhecer produções em vídeo de estudantes de inglês do 6º ano de outros países nas mídias sociais.
• Demonstrar curiosidade e interesse por outros modos de vida, outras escolas, outros sotaques ao falar inglês.
• Reconhecer as semelhanças e diferenças existentes entre si e estudantes de outras partes do mundo.
• Conhecer, valorizar e produzir manifestações artísticas e culturais, neste caso um vídeo.
• Utilizar diferentes linguagens (oral, visual, escrita) e tecnologias digitais (filmadora, câmera ou o celular com recurso de filmagem; computadores, software de edição de filmes);
• Trabalhar coletiva e colaborativamente, com o objetivo de desenvolver um projeto em comum.

Habilidades da BNCC a serem trabalhadas
Neste projeto, as habilidades dos componentes curriculares selecionados são recontextualizados para se articularem com o objeto de conhecimento Eixo Dimensão intercultural do componente curricular Língua Inglesa.
LÍNGUA INGLESA

Eixo Oralidade
(EF06LI04) Reconhecer, com o apoio de palavras cognatas e pistas do contexto discursivo, o assunto e as informações principais em textos orais sobre temas familiares.
(EF06LI05) Aplicar os conhecimentos da língua inglesa para falar de si e de outras pessoas, explicitando informações pessoais e características relacionadas a gostos, preferências e rotinas.
(EF06LI06) Planejar apresentação sobre a família, a comunidade e a escola, compartilhando-a oralmente com o grupo.

Eixo Escrita
(EF06LI13) Listar ideias para a produção de textos, levando em conta o tema e o assunto.
(EF06LI14) Organizar ideias, selecionando-as em função da estrutura e do objetivo do texto.

Eixo Conhecimentos linguísticos
(EF06LI17) Construir repertório lexical relativo a temas familiares (escola, família, rotina diária, atividades de lazer, esportes, entre outros).
(EF06LI18) Reconhecer semelhanças e diferenças na pronúncia de palavras da língua inglesa e da língua materna e/ou outras línguas conhecidas.
(EF06LI19) Utilizar o presente do indicativo para identificar pessoas (verbo to be) e descrever rotinas diárias.

Eixo Dimensão intercultural
(EF06LI24) Investigar o alcance da língua inglesa no mundo: como língua materna e/ou oficial (primeira ou segunda língua).

LÍNGUA PORTUGUESA

Análise linguística/semiótica
Coesão
(EF67LP36) Utilizar, ao produzir texto, recursos de coesão referencial (léxica e pronominal) e sequencial e outros recursos expressivos adequados ao gênero textual.

Sequências textuais
(EF67LP37) Analisar, em diferentes textos, os efeitos de sentido decorrentes do uso de recursos linguístico-discursivos de prescrição, causalidade, sequências descritivas e expositivas e ordenação de eventos.

Efeito de sentido
(EF69LP19) Analisar, em gêneros orais que envolvam argumentação, os efeitos de sentido de elementos típicos da modalidade falada, como a pausa, a entonação, o ritmo, a gestualidade e expressão facial, as hesitações etc.

Produção de textos
Textualização
(EF69LP07) Produzir textos em diferentes gêneros, considerando sua adequação ao contexto produção e circulação – os enunciadores envolvidos, os objetivos, o gênero, o suporte, a circulação –, ao modo (escrito ou oral; imagem estática ou em movimento etc.), à variedade linguística e/ou semiótica apropriada a esse contexto, à construção da textualidade relacionada às propriedades textuais e do gênero), utilizando estratégias de planejamento, elaboração, revisão, edição, reescrita/redesign e avaliação de textos, para, com a ajuda do professor e a colaboração dos colegas, corrigir e aprimorar as produções realizadas, fazendo cortes, acréscimos, reformulações, correções de concordância, ortografia, pontuação em textos e editando imagens, arquivos sonoros, fazendo cortes, acréscimos, ajustes, acrescentando/ alterando efeitos, ordenamentos etc.
(EF69LP08) Revisar/editar o texto produzido – notícia, reportagem, resenha, artigo de opinião, dentre outros –, tendo em vista sua adequação ao contexto de produção, a mídia em questão, características do gênero, aspectos relativos à textualidade, a relação entre as diferentes semioses, a formatação e uso adequado das ferramentas de edição (de texto, foto, áudio e vídeo, dependendo do caso) e adequação à norma culta.
Oralidade
Planejamento e produção de textos jornalísticos orais
(EF69LP12) Desenvolver estratégias de planejamento, elaboração, revisão, edição, reescrita/redesign (esses três últimos quando não for situação ao vivo) e avaliação de textos orais, áudio e/ou vídeo, considerando sua adequação aos contextos em que foram produzidos, à forma composicional e estilo de gêneros, a clareza, progressão temática e variedade linguística empregada, os elementos relacionados à fala, tais como modulação de voz, entonação, ritmo, altura e intensidade, respiração etc., os elementos cinésicos, tais como postura corporal, movimentos e gestualidade significativa, expressão facial, contato de olho com plateia etc.


ARTE
Artes visuais

Materialidades
(EF69AR05) Experimentar e analisar diferentes formas de expressão artística (desenho, pintura, colagem, quadrinhos, dobradura, escultura, modelagem, instalação, vídeo, fotografia, performance etc.).

Processos de criação
(EF69AR06) Desenvolver processos de criação em artes visuais, com base em temas ou interesses artísticos, de modo individual, coletivo e colaborativo, fazendo uso de materiais, instrumentos e recursos convencionais, alternativos e digitais.
(EF69AR07) Dialogar com princípios conceituais, proposições temáticas, repertórios imagéticos e processos de criação nas suas produções visuais.

Artes integradas
Contextos e práticas
(EF69AR31) Relacionar as práticas artísticas às diferentes dimensões da vida social, cultural, política, histórica, econômica, estética e ética.

Processos de criação
(EF69AR32) Analisar e explorar, em projetos temáticos, as relações processuais entre diversas linguagens artísticas.

Arte e tecnologia
(EF69AR35) Identificar e manipular diferentes tecnologias e recursos digitais para acessar, apreciar, produzir, registrar e compartilhar práticas e repertórios artísticos, de modo reflexivo, ético e responsável.

Materiais utilizados
Filmadora, câmera ou o celular com recurso de filmagem; computadores, software de edição de filmes.

Desenvolvimento
Etapa 1
1. Os professores das disciplinas envolvidas discutem com os estudantes as características das mídias sociais e a exposição de informações pessoais: riscos e consequências, o que pode e o que não é aconselhável ser veiculado, e a importância do conhecimento e anuência dos pais ou responsáveis.
2. Os professores apresentam vídeos em que estudantes do 6º ano de outros países se apresentam.
Etapa 2
3. Individualmente, os estudantes esquematizam as informações que querem apresentar sobre si e sua escola e, em seguida, preparam um texto escrito em inglês ou bilíngue, que servirá de base para o ensaio da apresentação oral. Neste momento, o professor de Língua Portuguesa pode assessorar e revisar os conceitos de planejamento, produção e revisão/edição de textos.
4. Com os textos das apresentações prontos, o professor de Língua Inglesa revisa e pratica com a turma as falas de apresentação, como “Hello, my name is...”, “I’m ... years old.”, “I’m from...”. 
5. Em seguida, os estudantes ensaiam, fazendo sua apresentação pessoal em pequenos grupos enquanto o professor de Língua Inglesa circula, auxiliando, orientando e estimulando os estudantes a se ajudarem na produção da tarefa.

Etapa 3
6. Cada grupo, com seu equipamento, seja uma filmadora, câmera ou o celular com recurso de filmagem, decide como fará sua apresentação e faz a gravação; assiste posteriormente à filmagem e refaz, se necessário.
7. Os grupos, então, usam de sua criatividade para criarem efeitos de imagem em seus vídeos, como filtros, animações etc. Neste momento, o professor de Arte orienta os estudantes a usarem os diferentes recursos tecnológicos e digitais disponíveis e, por fim, as várias filmagens são editadas em um vídeo só.
8. Finalmente, o vídeo final é publicado, seja no blogue ou site da escola, ou numa mídia social aberta, sempre com autorização e supervisão dos pais ou responsáveis. Caso isso não seja possível, o vídeo pode ser apresentado na reunião de pais e/ou em algum evento dedicado à apresentação geral de projetos.

Avaliação
Em relação à avaliação das aprendizagens desenvolvidas no projeto, o professor pode considerar as estratégias criadas pelos estudantes para trabalhar de forma coletiva e colaborativa para a realização da atividade, a fim de redirecionar ou fazer ajustes em outros projetos futuros, considerando sempre o aspecto formativo da avaliação. Além disso, o professor pode propor uma autoavaliação para que cada aluno reflita sobre sua participação efetiva durante o desenvolvimento das atividades sugeridas.

Referência: English and More - Richmond

Nenhum comentário:

Postar um comentário